Blog sobre dicas de esmaltes e cuidados com mãos, pés e unhas.

domingo, 3 de março de 2013

Bolinhas nas unhas :: irritante!

.
Olá, meninãs!
.
O post de hoje foi uma dúvida que surgiu quando li o post #Dúvidas : Como evitar as bolinhas no esmalte!? da Jake! Fui ler a respeito, e encontrei alguns artigos (em inglês) que me ajudaram na construção deste post. Assim todas nós ficamos por dentro do assunto!
.
.
Por que surgem bolhas nas unhas?
No post de domingo passado (A Química do Esmalte) eu falei sobre a composição dos esmaltes. Lá eu expliquei que a secagem do esmalte se dá pela evaporação dos solventes presentes no esmalte.
Quando aplicamos uma camada de esmalte sobre outra úmida, a camada de cima irá secar mais rápido que a(s) de baixo. O solvente da camada de baixo tenta evaporar, mas é barrado pela camada se cima. Daí surgem as bolhas.
Se as camadas forem finas, cada camada secará uniformemente, o solvente não ficará barrado, e a esmaltação ficará livre de bolhas. É claro que se forem passadas camadas finas, mas sem esperar que sequem, bolhas também surgirão!
.
Dicas - Como evitar as bolhas?
.
  1. Não chacoalhe o vidrinho de esmalte. Apenas role o vidrinho entre as palmas das mãos. O ato de chacoalhar vigorosamente o vidrinho cria um zilhão de pequenas bolhas que a gente não vê... até que elas surjam das cinzas direto para as unhas! Se você precisar mesmo chacoalhar o vidrinho, espere cerca de meia hora para que todas as bolhas subam para a superfície do esmalte antes de você começar sua esmaltação.
  2. Separe mais tempo para esmaltar com esmaltes grossos. Os esmaltes grossos secam mais devagar e, se passada outra camada logo após a primeira, o solvente presente na primeira camada não terá espaço para evaporar, como já explicado ali em cima. É possível adicionar algumas gotas de óleo para afinar esse esmalte. Já vi algumas adicionarem acetona pra isso, o que não é bom, pois ela irá diminuir a ligação entre o esmalte e suas unhas, fazendo o esmalte lascar mais rapidamente com o tempo.
  3. Sempre mantenha o vidrinho fechado. Às vezes nos esquecemos de apertar a tampinha enquanto fazemos algum tipo de nail art ou limpamos as cutículas. Quanto mais tempo o vidrinho ficar sem tampa, ou com a tampa desrosqueada, mais o solvente irá evaporar, e mais o esmalte engrossará. Ele vai criar bolhas nas suas unhas e ainda vai ficar difícil usa-lo de novo.
  4. Levante o pincel o mínimo possível. Na primeira camada, tente passar poucas pinceladas devagares, com o pincel bem encostado na unha, ao invés de várias pinceladas rápidas como eu sempre recomendo haha! Retirar o pincel das unhas muitas vezes pode trazer ar para o esmalte nas unhas. Use a técnica de várias pinceladas rápidas na última camada, depois que a(s) primeira(s) já estiverem bem secas. Assim você previne manchas e bolhas.
  5. E a principal: espere a camada de esmalte que está nas unhas secar BEM antes de aplicar outra por cima. Vale você assoprar, vale o macaquinho assoprar, vale ventilador, vale molhar as mãos e esperar secar, vale abanar, vale borrifar spray secante, vale ir pro computador checar as redes sociais e depois voltar pra mesa de manicure... vale tudo isso para UMA camada secar. Se passar a segunda camada sobre a primeira estando úmida, nada disso vale e bolinhas surgirão loucamente.
.
Qual a influencia do top coat nas bolhas?
Alguns topcoats são feitos para serem usados sobre camadas ainda úmidas, como é o caso do Verniz Extra Brilho (vulgo roxinho) da Impala. Ele umedece todo o esmalte passado nas unhas, abrindo espaço (poros) para que o solvente consiga evaporar.
Outros topcoats devem ser usados com a camada seca, apenas para dar brilho, como é o caso do roxinho da Risqué, que muitas dizem encolher o esmalte. A Risqué e a Avon são as marcas mais famosas no quesito bolhas/bolinhas, talvez porque usam a cânfora (e não o DBP) como plastificante, principal diferencial na composição dos seus esmaltes.
O roxinho da Ideal, que muitas amam, pode ser um pouco vilão. Antigamente ele era o melhor roxinho do mercado. Hoje em dia, já vi várias meninas reclamarem dele. Esse roxinho é ótimo para tirar as bolhas das unhas, mas também pode encolher o esmalte.
.
* Só para deixar bem explicado: a Risqué sempre usou a cânfora e nunca o DBP, mas sempre usou o formaldeído e o tolueno. Agora eles tiraram esses dois da composição de seus esmaltes, tendo lançando esmaltes 3free nas suas últimas coleções. Mas ainda assim, alérgicas: leiam o rótulo antes de comprar!
.
E onde entra o ventilador nessa história?
O ventilador simplesmente ajuda a camada de cima a secar mais rapidamente, fechando o espaço que ainda restava para que o solvente da camada de baixo pudesse ser liberado. É permitido o uso de secadores de esmalte que ventilam a unha, mas sempre entre uma camada e outra, e não no final da esmaltação.
.
E a temperatura do corpo e do ambiente?
Mesma coisa que o ventilador: não influencia se as camadas estiverem bem sequinhas. O calor vai ajudar o esmalte a secar mais rápido, evaporando o solvente mais rapidamente. Se for passada uma camada sobre outra ainda úmida, a camada de cima seca, a de baixo não, e o vapor da camada de baixo forma as bolhas e blábláblá... é sempre a mesma história.
.
O maior segredo é esperar a camada de baixo secar.
.
Conclusão :: Para uma boa manicure
  Sempre esteja com as mãos limpas e secas;
  Faça as unhas em um local fresco;
  Se precisar, mexa, não agite o vidrinho;
  Use camadas finas do esmalte, mesmo que vá precisar de quatro camadas;
  Espere a última camada secar bem antes de passar a próxima;
  Se usar uma camada grossa, espere alguns minutos para passar a(s) próxima(s) camada(s);
  Use um bom top coat no final.
.
Quem puder adicionar novas informações ao post, me diz aqui embaixo!
.


Gostou? Compartilhe!
27

InstagramFacebookTwitterGoogle +Flickr

27 comentários:

  1. Adorei, é terrível quando o esmalte é lindo mas enche de bolinhas. Estraga tudo :(
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Monica... a esmaltação fica uma nhaca!

      Excluir
  2. Muito bom o post, bem informativo.
    http://nacaoesmaltada.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Tem muito problemas com os esmalte da Avon.
    Eles sempre dão bolinhas nas minhas unhas.
    Gostei muito de ter passado aqui hoje, aprendi
    algumas coisas e que com certeza vou começar a fazer.
    Beijos minha linda.

    andreakubiki.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade! E a Avon também usa a cânfora ao invés do DBP, igual a Risqué!

      Mas faz essa de esperar a camada de baixo secar que tudo se resolve :)

      Excluir
  4. Mt bom post, querida!
    Eu tenho smp esses cuidados e mantenho smp os meus vidrinhos de pé. Um dos meus esmaltes (Impala, por acaso), passado alguns meses surgiram bolas pretas. Aquilo vê-se nas unhas. Ñ serve de nd colocar um parafuso inox. Pq se formam essas bolinhas pretas?

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Yue, essas bolinhas pretas são pesquisa minha a alguns meses. Assim que eu tiver certeza do motivo delas surgirem, sai post só sobre isso ;-)
      Por enquanto, a resposta é: 'não sei' rsrs

      Excluir
  5. Adorei o post Tha... amo de paixão o extra brilho da Ideal, uso sempre, mesmo que não dê bolinhas, e o da Risqué quando o esmalte está sem brilho (ou depois de uns 10 minutos que o esmalte estiver seco kkk)
    outra técnica que eu vi, mas ainda não testei é esmaltar com um saco cheio de gelo embaixo da mão, justamente para manter a temperatura da mão mais fresca e evitar as bolinhas nos dias muito quente.
    bjnhos flor
    Dicas Poderosas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse da Risqué tem que usar só pro brilho mesmo, Thabata! Porque se passar em seguida, encolhe mesmo :(

      Pra mim, essa de manter as mãos geladas é furada, sabia? Sempre esmalte num calor infernal e só de deixar cada camada secar antes de aplicar outra já impede a formação de bolinhas ;-)

      Excluir
  6. Nota 10 pro seu post, muito bom!!!!
    Não tinha nem ideia que os motivos eram esses. Adorei!
    Agora vou ficar mais atenta antes de esmaltes haha
    bjooooooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu Thaís!!
      Só deixar a camada de baixo secar que tá tudo certo rsrs

      Excluir
  7. Minha quelida sabe que nunca tenho este pb, talvez pel otempo que esmalto as unhas. Mas bom post
    Passando para desejar
    BOM FINAL DE SEMANA ♥
    ♥ Beijos coloridos!
    ♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

    ResponderExcluir
  8. adorei esse post! ^^
    dicas ótimas! :)
    mas se precisar, além de afundar as unhas em água gelada antes, também afundo depois... ajuda um pouco na secagem do esmalte também! ^^

    bjoos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra mim, Ju, essa de gelar as mãos é só pra secagem mesmo. Não interfere na formação de bolinhas não rsrs

      Excluir
  9. Oi Tha, ótima postagem!
    Olha, não tenho problemas com bolhinhas sabia...
    Foram poucas vezes que isso aconteceu em 12 anos de esmaltações...
    Não costumo agitar o vidrinho e não gosto de muito vento no ambiente.
    Tenho por habito lavar minhas mãos antes e cada esmaltação, hidrata-las e passar nas unhas o álcool 70% antes de aplicar base e esmaltes. :)
    Beijinhos

    http://bellasunhasecia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas você é diva das unhas, né Cris!!! rsrsrs

      Nossa, nunca tinha ouvido essa dica de passar álcool antes da esmaltação. É uma boa, ele gela as mãos né? :)

      Excluir
  10. Oi Tha,
    Adorei o post, você foi fundo mesmo na pesquisa sobre o assunto. Sempre vemos a explicação de que tem que esperar as camadas secarem antes de aplicar outra, mas sem saber muito bem o porque. Assim como a explicação para o ventilador e os top coats.
    Vou prestar mais atenção nas minhas esmaltações já que sou a rainha das bolinhas kkkk.

    Beijos
    patriciaaprendendo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Patricia. Quando leio posts desse estilo, sempre vem a dica e o resultado, por exemplo: "molhe as mãos com água gelada, isso ajuda na secagem do esmalte". Mas nunca tem o por quê disso, né? E eu sou muito curiosa hahahaua!

      Que bom saber que gostou do post x)

      Excluir
  11. Nem me fale sobre essas safadas...parece q esperam a gente colocar o melhor esmalte kkkkkkk
    adorei o post tb, sempre bom saber mais, em vez de so remediar hahahaha
    beijoooo

    www.esmaltecendo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Adoooorei o Post flor!!!!!!
    Eu costumo não ter problemas com isso.. só se o esmalte está muito muito grosso mesmo! Mas dicas são sempre, sempre bem vindas não é!!! ;)
    Beijão amiga química!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Química rulez!! kkkkkkk
      Sim sim, dicas são sempre bem vindas :D

      Excluir
  13. Super dicas... adorei o post.
    Beijo
    Boa quarta

    ResponderExcluir
  14. PARABENS PELO BLOG! AMEEEEI ESTAS DICAS... VOU TENTAR... POIS VIVE FORMANDO BOLINHAS NA MINHA ESMALTACAO...
    JÁ ESTOU TE SEGUINDO... SE PUDER RETRIBUIR, FICAREI MUITO GRATA!

    www.lupapodemulher.com.br
    www.lupapodeblog.com.br

    ResponderExcluir
  15. Achei o post simplesmente perfeito!
    Li em um blog q apareciam bolinhas por causa do calor nas mãos! Haha! E não tem nda disso!
    Valeu mesmo pela dica!

    Bjo.


    abelezaquevemdedeus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

E então, o que você achou?
Muito obrigada pela visita ;)